Voltar ao topo

14 de julho de 2024

Uece se destaca novamente no ranking das melhores universidades da América Latina

A Uece está também listada entre as 100 melhores nos indicadores “Pesquisa” e “Renda da Indústria”
Foto: Divulgação/Governo do Ceará

Compartilhar:

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) está consolidada como uma das melhores universidades da América Latina, como indica o Ranking Latin America University 2023, do jornal especialista em educação Times Higher Education (THE). Nele, mais uma vez, a Uece é a 1ª colocada entre as estaduais do Norte, Nordeste e Centro-Oeste, com destaque para o indicador “Ensino”, em que a instituição cearense cresceu de 30 pontos, em 2021, para 45.1, em 2023.

O ranking lista as melhores universidades da região da América Latina e Caribe. Ao todo, 212 instituições foram avaliadas. No Brasil, a Uece ocupa a 43ª posição geral, sendo a 8ª melhor estadual do país.

Para o reitor da Uece, professor Hidelbrando Soares, “isso indica o crescimento e o fortalecimento de uma universidade que se constituiu historicamente como uma instituição de excelência na formação de profissionais de diversas áreas, a partir de uma atuação bastante capilarizada em todo o Ceará”, ressalta.

“Isso é fruto do trabalho das pessoas que fazem a Uece e que permitem que, nas principais regiões cearenses, haja egressos da Universidade que trabalham para o desenvolvimento sustentável do estado e para a justiça social”, diz Hildebrando Soares.

A Uece está também listada entre as 100 melhores nos indicadores “Pesquisa” e “Renda da Indústria”.

JOVENS UNIVERSIDADES

Além do Latin America University Ranking, o Young University Rankings 2023 foi também lançado recentemente. Nele, são classificadas as melhores universidades do mundo com até 50 anos de existência, sendo incluídas para avaliação, nesta edição, 963 universidades.

Apenas 16 brasileiras estão entre as melhores, das quais a Uece se destaca como a 2ª colocada entre as estaduais do Norte e Nordeste. O ranking aponta, ainda, crescimento da Uece no indicador “Renda da Indústria”, que saltou de 34.7 pontos, em 2021, para 38.1, em 2023; e no indicador “Pesquisa”, que cresceu de 13.3, em 2021, para 14.7 pontos.

Os rankings Latin America University e Young University se baseiam nos mesmos 13 indicadores de desempenho rigorosos que sustentam o THE World University Rankings, mas os pesos são recalibrados para refletir as características das universidades de acordo com cada ranking. As universidades são avaliadas em todas as suas missões principais: ensino, pesquisa, transferência de conhecimento e perspectiva internacional.

Para o reitor, os resultados da Uece refletem o alto nível de maturidade acadêmico-científica que a universidade atingiu, fruto de uma história de trabalho para a produção de conhecimento científico e tecnológico em diversas áreas, além da ampliação (em quantidade e em alcance) das parcerias com outras instituições. “Esses fatores fortalecem nossa atuação, de forma qualificada, para o desenvolvimento sustentável do Estado com a nossa já reconhecida marca de inclusão social”, concluiu.

[ Mais notícias ]