Voltar ao topo

17 de julho de 2024

Sebrae e prefeitos se unem e revelam empreendedores no sertão

Foto: Prefeitura de Santana do Acaraú

Compartilhar:

O auditório do Teatro RioMar recebeu uma plateia diferente e a tarde se prolongou até a noite por conta dos depoimentos emocionantes. Fortaleza se tornou a capital sertaneja durante o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, uma iniciativa criativa que descobre talentos que haviam se acomodado ou pessoas que passam a desenvolver suas aptidões adormecidas no comodismo.

O projeto é arrojado e uma oportunidade única para descobrir talentos, empreendedores e gente que jamais imaginou obter uma renda explorando o próprio potencial, fazendo o que gosta. Funciona assim: as prefeituras, através das secretarias, colocam um olhar nos bairros, nos distritos, no campo. Criam os projetos de forma livre. Comunidades são visitadas antes dos projetos serem concluídos. A população vai revelando suas vocações. A prefeitura usa recursos próprios para financiar as iniciativas, treinando as pessoas, apoiando integralmente as ações em parceria com o Sebrae.

Os prefeitos se tornam empreendedores a partir da decisão de apostar no talento. As pessoas se tornam micro e pequenos empresários do agronegócio, da área de confecção, da beleza, da gastronomia e do transporte. Nascem também lojistas e até consultores. Nada mais estimulante que ouvir os depoimentos dos envolvidos.

Algo desafiador nos projetos é pinçar nos lugares pessoas de pensamento diferenciado. O Sertão Central foi a região campeã em projetos bem implantados com destaques para Senador Pompeu, Pedra Branca, Quiterianópolis, Milhã, Banabuiú e Quixeramobim, municípios governados por gestores que apostam na descoberta de empreendedores que podem ser novos contribuintes, empresários e gerar emprego e renda.

O Sebrae, que criou o projeto Prefeito Empreendedor, está cumprindo seu papel e finalidade institucional que é estimular os micro, pequenos e médios negócios. Esta ação, que reuniu 49 prefeituras e cerca de 300 projetos, fez entrar no mercado novos empreendedores e deve receber o reconhecimento público.

O sertão tem potencial e o sertanejo tem garra e força de trabalho. Quando há estímulo e apoio, há resultado. As pessoas crescem, os municípios crescem, o Estado cresce. Realizar é fazer acontecer.

[ Mais notícias ]