Voltar ao topo

17 de julho de 2024

“Sarto é o candidato natural à reeleição para prefeito de Fortaleza”, diz Roberto Cláudio

Ex-prefeito de Fortaleza critica a "ansiedade" dentro da esfera do parlamento para definir um nome e afirma que o partido tem outras prioridades no momento
Foto: Priscila Baima

Compartilhar:

Diante da especulação do nome do deputado Evandro Leitão (PDT) para concorrer à Prefeitura de Fortaleza no próximo ano, o ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), em coletiva de imprensa ocorrida depois da primeira reunião da Executiva Municipal do partido, defendeu que o nome do prefeito José Sarto (PDT) é naturalmente o escolhido para a candidatura nas eleições de 2024. RC, no entanto, critica a “ansiedade” dentro da esfera do parlamento para definir um nome e afirma que o partido tem outras prioridades no momento.

Ao lado de Sarto, o ex-prefeito da Capital que conversar com a população nesse ano que antecede a corrida eleitoral.

“Nesse momento, o assunto é outro. É a taxa de juros, é o endividamento das nossas famílias, é a necessidade de buscar um emprego e a expectativa de melhoria da qualidade de vida. Essa é a pauta do povo. Comentar e alimentar quem vai ser o candidato a prefeito de Fortaleza nesse momento é algo que está fora da agenda partidária do PDT. Sim, é o Sarto, para todos nós que fazemos parte da Executiva Municipal, o candidato natural à reeleição, mas essa não é uma questão que o próprio Sarto tem tratado porque a sua agenda está cheia”, declara RC.

Nessa primeira reunião da Executiva, Roberto explica que estão sendo organizadas as conferências trabalhistas, eventos que vão ser de maio deste ano até abril de 2024, sendo no total 12 eventos. “Ao longo desses 12 meses, nós debateremos com a comunidade o que o Sarto, o que a gestão do PDT tem realizado na Capital, além de aproveitar para trazer nomes nacionais do partido e de outros partidos que também têm experiências para compartilhar”, lista o líder pedetista. Os encontros do PDT vão acontecer sempre no último sábado de cada mês. No dia 27 de maio, acontecerá o primeiro evento ainda sem palestrante confirmado.

Questionado pelo OPINIÃO CE, Roberto explica que os deputados da base do governador Elmano de Freitas (PT) estão liberados para apoiar quaisquer candidatos à eleição de 24.

“Na última reunião com o Diretório Estadual, na qual eu, Sarto e outros membros do partido estiveram presentes, ficou definida a liberação de escolha [dos deputados estaduais da base governista] em virtude de posicionamentos distintos que existem hoje dentro do partido. Parte apoia o governo e parte faz oposição, uma postura que foi acordada e compreendida pelo diretório como uma solução, agora, razoável”.

SARTO E A AGENDA CHEIA DEMAIS PARA PENSAR EM 2024

Na coletiva, o prefeito José Sarto enfatizou que tem uma prioridade maior para 2023: cuidar de Fortaleza. Em 2024, se vê como um bom nome, mas não descarta que outros venham contanto que mostrem serviço.

“A minha missão nesse momento é gerenciar a cidade de Fortaleza. Todo dia acordo cedo, vou para a rua. Se um dia tivesse 48h ainda era pouco. Falta tempo para pensar em eleição e imagino que isso seja com outras candidaturas. Candidatura precoce agora é mais de quem não tem muito serviço a fazer”, critica.

Sarto acrescentou que a possibilidade de outra candidatura pelo seu partido é possível porque o “D” de PDT é democrata, ou seja, “não há democracia se não houver a escuta do contraditório. Eu me sentiria extremamente desconfortável se não houvesse um debate profundo, de raízes, porque somos, porque queremos e o que estamos trazendo aqui. Eu já tenho uma larga folha de serviços prestados em Fortaleza. Agora no mês de março, por exemplo, completamos 70% das propostas feitas em campanha eleitoral. Se houver disputa dentro do partido e dentro da base de apoio ao partido, falando do fundo do coração, sem trocadilhos e sem querer dourar a pílula, nós temos que pensar em Fortaleza e deixar os pensamentos menores para outras oportunidades”, conclui Sarto.

[ Mais notícias ]