Voltar ao topo

18 de julho de 2024

Roberto Cláudio, pré-candidato ao governo do Ceará, defende mais recursos para saúde

"Roberto Claudio também pontuou a insuficiência de recursos para o financiamento da saúde no Brasil"

Compartilhar:

O ex-prefeito Roberto Cláudio participou, nesta quinta-feira (14), do 32° Outubro Médico, principal evento médico promovido no Ceará e que, neste ano, está discutindo “a saúde no mundo pós-pandemia do COVID-19”.

Em painel coordenado pelo médico Ricardo Paula Pessoa e que tratou da “Valorização médica e saúde pública”, Roberto Cláudio destacou “a importância e a centralidade do SUS no enfrentamento da pandemia. O SUS é o plano de saúde, é o atendimento exclusivo de 85% da população no nosso País. Se não fosse esse nosso sistema capilar, com unidades de atendimento em todos os municípios brasileiros, a pandemia traria consequências muito mais graves do que vivenciamos. Se não fosse um sistema único de vigilância sanitária, as consequências teriam proporções ainda piores. A existência firme do sistema de saúde foi determinante para o enfrentamento da pandemia”, afirmou.

Em sua fala, Roberto Claudio também pontuou a insuficiência de recursos para o financiamento da saúde no Brasil, que hoje ocupa a 37° posição no investimento per capta em saúde no mundo. Os recursos destinados à saúde pública representam apenas 4% do PIB. “Existe espaço para melhorar a gestão sim, existe espaço para melhorar o processo de auditoria no emprego dos recursos e para o aperfeiçoamento dos processos, mas a questão determinante é a insuficiência de recursos
para o custeio da saúde e para a valorização do profissional médico”, concluiu.

Também participaram do painel, a médica Riane Azevedo, superintendente do IJF, e o médico e deputado Carlos Felipe.

[ Mais notícias ]