Voltar ao topo

24 de julho de 2024

PT Ceará decide na quarta, 22, se expulsa Ronivaldo Maia do partido

Érika Fonseca/CMFOR

Compartilhar:

O destino político do vereador Ronivaldo Maia (PT) pode ter uma mudança a partir de quarta-feira, 22. Nesta data, o PT Ceará decidirá se o mantém ou se o expulsa dos quadros do partido. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do parlamentar nesta terça-feira, 21.

A legenda elaborou um relatório com parecer favorável à expulsão do vereador no início do mês. Ronivaldo é objeto de processo disciplinar na Comissão de Ética do PT-CE desde fevereiro por suposta tentativa de feminicídio que teria ocorrido no fim de novembro do ano passado.

À reportagem, a equipe de comunicação de Ronivaldo disse que o vereador só se pronunciará após o resultado. O OPINIÃO CE procurou, ainda, Antônio Filho (Conin), presidente da legenda no Estado; Guilherme Sampaio e Liliane Araújo, presidente e vice-presidente do PT Fortaleza; entre outras figuras ligadas ao processo disciplinar do parlamentar, mas ninguém atendeu às ligações.

A suspensão da filiação do réu por tentativa de feminicídio ocorreu ainda em 2021, quando o caso veio à tona. À época, ele chegou a ser preso e a pedir licença do mandato por 120 dias, período que acabou em abril. Naquele mês, o vereador voltou às atividades.

Na ocasião, pronunciou-se sobre o caso. “Infelizmente, num momento de discussão no qual os ânimos se acirraram, dei partida no veículo, acabando por atingi-la inevitavelmente. Eu não a atropelei e não a arrastei de modo como foi noticiado. Trata-se de um acidente lamentável”, disse.

[ Mais notícias ]