Voltar ao topo

24 de julho de 2024

Homem que diz ser pastor é preso com cigarro de maconha e celular furtado de uma freira dentro de hospital

Acusado tem antecedentes pelos crimes de estelionato, receptação e uso de drogas
O celular furtado foi devolvido à vítima. Foto: Divulgação/ Ascom SSPDS

Compartilhar:

Policiais civis lotados no 35º DP (Curió) prenderam Thiago Cardoso do Vale, de 39 anos, que diz ser pastor evangélico, nesta terça-feira, 19, sob acusação de furto de celular e posse de substância entorpecente. Ele estava em um hospital localizado no bairro Guajeru, na Grande Messejana, acompanhando um paciente que estava internado, e foi flagrado pelas câmeras de segurança furtando o celular de uma freira, que era acompanhante do pai.

No início da manhã, os policiais civis foram acionados para investigar o furto de um celular no hospital. A vítima contou que adormeceu e, após acordar, percebeu que o celular tinha sumido. O suspeito estava na mesma enfermaria, entretanto o fato só foi confirmado quando os seguranças do hospital cederam as imagens à Polícia Civil.

A equipe do 35º Distrito Policial identificou o suspeito e descobriu que Thiago do Vale já possuía antecedentes criminais por estelionato, receptação e como usuário de drogas. Ele foi preso na própria residência, situada no bairro Canindezinho, enquanto manuseava o celular da vítima. Os policiais civis ainda encontraram um cigarro de maconha em posse do dito pastor.

Thiago do Vale foi conduzido ao 35º DP e autuado em flagrante por furto qualificado e novamente como usuário de drogas. Ele está à disposição da Justiça. O aparelho celular foi restituído à vítima.

[ Mais notícias ]