Voltar ao topo

19 de abril de 2024

Grupo Companhia das Letras, um dos principais do país, inaugura centro de distribuição no Nordeste

Centro é o primeiro de um grande grupo editorial a ser instalado na região; Ceará será uma das praças atendidas
Grupo editorial projeta aumentar presença no mercado da região. Crédito: Brenda Alcântara/ Divulgação

Compartilhar:

Começa a operar em abril o Centro de Distribuição do Grupo Companhia das Letras. Instalado em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife (PE), é o primeiro do gênero de uma grupo editorial de grande porte na região. O local já contava com uma unidade da multinacional de e-commerce Amazon.

No Brasil, o negócio do livro é concentrado no Sudeste, em especial no Estado de São Paulo. A localização impacta, negativamente, na demora de entregas e no custo de envio para estados como o Ceará. A ideia do Grupo Companhia das Letras é distribuir os livros de suas editoras (que incluem a Penguin, Zahar e Alafaguara) com mais agilidade e, assim, faturar mais. Escritores cearenses de destaque, como Lira Neto e Socorro Acioli são alguns dos autores da casa editorial.

Com mais agilidade nas entregas e redução nos custos de frete, o grupo projeta aumentar o faturamento na região em 20% nos próximos dois anos, segundo Luciana Borges, Diretora Comercial da Companhia das Letras. A escolha não é a toa. O Nordeste apareceu como a região do país em que mais se lê, na última edição da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil (2020), do Instituto Pro-Livro.

No foco do centro de distribuição, estão  oito estados: Ceará, Alagoas, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. A Bahia seguirá sendo atendida pelo centro de distribuição de São Paulo.

“Nos últimos anos, a editora tem dedicado esforços à formação de um catálogo mais diverso, resultando na expansão de fronteiras e na promoção de autores de fora do Sudeste. A inauguração do novo centro de distribuição em Pernambuco não só assegura agilidade no fornecimento de livros na região, mas também aprimora o suporte oferecido aos nossos escritores”, declara Luiz Schwarcz, fundador e CEO do Grupo Companhia das Letras.

Dellano Rios

[ Mais notícias ]