Voltar ao topo

17 de julho de 2024

Fortaleza joga nesta quarta-feira, contra o Palestino, pela estreia da Sul-Americana

A partida será disputada na Arena Castelão, no primeiro jogo do Fortaleza na competição nesta temporada. Na última participação do Leão na Sul-Americana, uma eliminação traumática; relembre
Foto: Reprodução/YouTube TV Leão Novibet

Compartilhar:

O Fortaleza joga nesta quarta-feira, 5, às 19h, contra o Palestino-CHI, na Arena Castelão, pela primeira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana, segunda competição mais importante da América do Sul. A partida vai marcar a estreia do Leão do Pici na competição internacional nesta temporada. O Fortaleza vai disputar o torneio devido à eliminação na terceira fase preliminar da Libertadores da América, para o Cerro Porteño-PAR.

O Tricolor do Pici vai para o jogo após vencer no Clássico-Rei, no jogo de ida da final do Campeonato Cearense, por 2 a 1 contra o rival Ceará, no último sábado, 1º. O resultado foi a primeira vitória do Leão no clássico em 2023, depois de três derrotas consecutivas para o Alvinegro.

Para a disputa da competição internacional, o técnico Vojvoda prega cautela, pois no próximo sábado, 8, a equipe possui o jogo de volta pela final estadual.

“Temos que equilibrar sabendo a importância de cada competição, sabemos que a primeira partida da Sul-Americana é importante, mas também temos muita consciência que a partida do próximo sábado é uma final, que define coisas importantes para Fortaleza. Então vamos fazer uma avaliação dos jogadores, e o planejamento tanto para quarta-feira, mas também com a cabeça no próximo sábado [segundo jogo da final do estadual]”.

Para o jogo, o técnico Vojvoda não deve contar apenas com João Ricardo e Pedro Rocha, o primeiro lesionado e o segundo se recuperando de cirurgia no joelho, que deve afastá-lo dos gramados por cerca de oito meses. Em decorrência da partida do próximo sábado, a equipe deve ir a campo com o time mesclado, com algumas mudanças, assim como o treinador argentino tem feito na maioria dos jogos. Provável Fortaleza para a partida desta quarta: Fernando Miguel; Tinga, Benevenuto, Ceballos, Bruno Pacheco; Lucas Sasha, Hércules, Pochettino, Calebe; Romarinho e Lucero.

Nesta última semana, o Tricolor do Pici anunciou mais duas contratações: o zagueiro Bernardo Schappo, vindo do Ituano/SP por R$ 1,8 milhão por 70% dos direitos econômicos do jogador; e o meio-campista Vinícius Zanocelo, que chegou por empréstimo do Santos/SP até o final deste ano. Os dois atletas já estão disponíveis para a partida desta quarta.

PALESTINO

Em dez partidas disputadas neste ano, os “Árabes”, como são conhecidos, possuem 60% de aproveitamento, com cinco vitórias, três empates e apenas duas derrotas. No campeonato chileno, o clube ocupa a quarta posição, a somente três pontos de diferença para o líder da competição nacional, Universidad Católica.

Na Copa Sul-Americana, o Palestino entrou na competição ainda na fase preliminar, em que 32 equipes de Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, disputam 16 vagas em confrontos de jogos únicos contra adversários do mesmo país. Na etapa em questão, o time chileno eliminou o Cobresal-CHI, em um jogo fora de casa, por 1 a 0.

O QUE ESTÁ EM JOGO?

A premiação da Sul-Americana poderá render, ao campeão, um valor de até US$ 10,45 milhões (cerca de R$ 53 milhões). Em caso de vitória na fase de grupos, aliás, a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) vai premiar o vencedor em US$ 100 mil (R$ 514 mil).

Premiações por fase:

  • Fase de grupos: US$ 900 mil (R$ 4,5 milhões) + US$ 100 mil (R$ 514 mil) por vitória;
  • Oitavas de final: US$ 550 mil (R$ 2,8 milhões);
  • Quartas de final: US$ 600 mil (R$ 3,1 milhões);
  • Semifinal: US$ 800 mil (R$ 4,1 milhões);
  • Vice-campeão: US$ 2 milhões (R$ 10,2 milhões);
  • Campeão: US$ 5 milhões (R$ 25,5 milhões).

PASSADO TRAUMÁTICO

Na última participação do Fortaleza na Sul-Americana, em 2020, o clube foi eliminado ainda na primeira fase, pelo Independiente-ARG. Na ocasião, os clubes brasileiros e argentinos entravam no torneio ainda na etapa inicial, diferente do que se configura hoje em dia.

O Leão do Pici ia para a sua primeira competição internacional da história, a Sul-Americana da temporada de 2020, e pegou, de cara, o maior campeão da história da Libertadores. Após vitória do Rey de Copas na partida de ida em Avellaneda, o Fortaleza ganhava por 2 a 0 até os acréscimos do segundo tempo no jogo de volta no Castelão, mas aos 47 minutos, o clube argentino diminuiu o placar para 2 a 1 com gol contra de Bruno Melo, sendo este o gol da classificação do Independiente por conta do critério de gols marcados fora de casa.

[ Mais notícias ]