Voltar ao topo

24 de julho de 2024

Fortaleza encerra janeiro de 2022 com redução de 17,3% no índice de roubo de veículos

Compartilhar:

Durante o mês de janeiro de 2022, a cidade de Fortaleza apresentou uma diminuição de 17,3% no índice referente aos roubos de veículos, foram 343 casos, contra 415 registrados em janeiro de 2021. Os dados foram recolhidos pela Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp).

O Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) é um dos comandos qualificados que atua no combate aos crimes de roubos e furtos de veículos, em todo o estado do Ceará. No início deste ano, uma formação, com auxílio do Núcleo de Videomonitoramento (Nuvid) e do Sistema Agilis da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS/CE), recuperou um carro roubado. Nessa situação, duas pessoas foram presas, na Barra do Ceará.

O tenente-coronel Kilderlan Sousa, comandante do CPRaio da PMCE, destacou a importância da aquisição de novas viaturas, entregues em 1º de fevereiro de 2022, para a continuidade da redução. “Recebemos 37 novas viaturas, que chegaram para se somar ao nosso parque de recursos logísticos, juntamente com as motocicletas. Temos também a projeção de inaugurar 16 bases do CPRaio ainda no primeiro semestre, tentando reduzir, cada vez mais, os índices de criminalidade”.

O delegado Pedro Viana, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC) da Polícia Civil, valoriza o trabalho de investigação. “A DRFVC tem atuado em várias frentes, monitorando associações criminosas especializadas em roubos, furtos, adulteração e clonagem de veículos, realizando constante acompanhamento de seus integrantes, bem como realizando operações qualificadas para cumprimento de mandados de prisões e de buscas e apreensões em desfavor dos infratores”. Também citou o trabalho de fiscalizações e alertou a população para evitar aquisição de peças de procedências duvidosas. “As fiscalizações são realizadas pela delegacia em sucatas, desmanches e oficinas de veículos, haja vista que alguns desses locais têm sido utilizados para desmanchar veículos roubados e comercializar suas peças no mercado clandestino. As ações da especializada estão focadas no combate aos receptadores, uma vez que estes são os grandes incentivadores dos roubos e furtos de veículos. Muitos veículos roubados acabam chegando nesses estabelecimentos, onde são desmontados e suas peças revendidas. A sociedade tem que abrir os olhos quanto a tal situação”.

Neste sábado, 05, no bairro Parque Rio Branco 6, uma ação especializada prendeu um homem de 40 anos, investigado pelo crime de receptação, em flagrante. Na oficina do suspeito, foram apreendidas peças de dois veículos com queixa de roubo.

O estado do Ceará também apresentou queda no balanço referente ao mês de janeiro de 2022. Foram 690 casos contra 666, contando em uma diminuição de 3,5% nos índices de roubo de veículos. A queda vem acontecendo mês a mês, o ano de 2021 terminou com diminuição de 16,3% nos indicadores, conforme dados da Geesp/Supesp.

[ Mais notícias ]