Voltar ao topo

17 de julho de 2024

Farias Brito suspende aulas para traçar medidas de segurança após ataque em escola

Nesta quarta, 12, um aluno do 9º ano feriu outras duas alunas em uma unidade de ensino da cidade
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Compartilhar:

A Prefeitura de Farias Brito, no Cariri, resolveu suspender, por dois dias, as aulas nas escolas municipais após ataque em uma unidade da rede pública nesta quarta-feira, 12, quando um estudante do 9º ano atacou duas crianças dentro da escola. O caso aconteceu na Escola Isaac de Alcântara, na zona rural de nosso Município. “Preocupado com a situação, decretei a suspensão das aulas presenciais por dois dias e entrei em contato com nossa governadora (em exercício) do Ceará, Jade Romero, solicitando uma reunião para traçar um plano segurança nas escolas do Município ainda nesta quinta-feira, 13“, disse o prefeito Deda Pereira.

Ainda nesta quarta, ele se reuniu com a secretária de Educação do Estado do Ceará, Eliane Estrela. “Desde que tomei conhecimento do ocorrido, tenho trabalhado incansavelmente, junto a toda nossa equipe, para garantir que todas as vítimas e suas famílias recebam o apoio e a assistência de que precisam neste momento difícil“, informou o prefeito em suas redes sociais. “Nós, como uma comunidade unida, não podemos tolerar a violência em nenhum de nossos espaços, especialmente em nossas escolas, que devem ser lugares seguros e acolhedores para nossos filhos e jovens“.

Após o ocorrido, prefeituras de todo o Estado intensificam a segurança em instituições de ensino municipais e prestam solidariedade às vítimas do ocorrido. O Programa Ronda Escolar, cujo objetivo é prevenir e coibir ocorrências relacionadas a atos violentos e ameaças contra a comunidade escolar, começou a ser aplicado nesta semana. Mais de 1,5 mil unidades de ensino foram visitadas pela PMCE.

Além disso, com o objetivo de alinhar protocolos de atendimentos e discutir estratégias de segurança voltadas para ocorrências relacionadas a ameaças a escolas, o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Samuel Elânio, e a secretária da Educação, Eliana Estrela, se reuniram, na manhã desta quarta-feira, 12, com representantes dos dois órgãos na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE). Até o momento, pelo menos 31 perfis em mídias sociais estão sendo monitorados pelas forças de segurança cearenses. Destes, 18 autorias já foram identificados. Ao todo, nove pessoas foram conduzidas a unidades da Polícia Civil. Os dados são do dia 3 de abril de 2023 até a tarde desta quarta-feira, 12.

[ Mais notícias ]