Voltar ao topo

17 de junho de 2024

Camilo anuncia criação de Hospital Universitário do Cariri e novo campus em Baturité

Ao todo, serão investidos R$ 3,7 bilhões na ‘consolidação’ dos campi já existentes, R$ 600 milhões para a construção de novos campi e R$ 1,75 bilhão para os hospitais universitários
com-professores-em-greve-camilo-santana-anuncia-investimento-de-r-55-bilhoes-para-universidades-federais
Ministro da Educação, Camilo Santana (PT), e o presidente do Brasil, Lula (PT). Foto: Agência Brasil/Rafa Neddermeyer

Compartilhar:

O ministro da Educação, Camilo Santana (PT), anunciou, nesta segunda-feira (10), o novo Programa de Aceleração do Crescimento (Novo PAC), que vai destinar cerca de R$ 5,5 bilhões para a consolidação e expansão das universidades e dos hospitais universitários federais pelo País. Na oportunidade, o ministro confirmou a criação de Hospital Universitário do Cariri e o novo campus em Baturité. Por meio da ação, serão criados 10 novos campi, nas cinco regiões do Brasil, além de assegurar melhorias na infraestrutura de todas as 69 universidades federais.

“A educação do Brasil está sendo reconstruída, abrindo mais portas para os jovens ingressarem no Ensino Superior. Agradeço ao presidente Lula e ao ministro da Educação, Camilo Santana, pela instalação do novo campus universitário em Baturité e pela criação de um hospital universitário no Cariri”, escreveu Elmano de Freitas (PT) em suas redes sociais”.

“Esses avanços fazem parte do pacote, anunciado pelo Governo Federal, que destinará R$ 5,5 bilhões, do Novo PAC, para melhorias na infraestrutura das universidades federais e para a implantação de novos campi pelo País. Investir em educação é construir um novo caminho para o futuro e realizar o sonho da nossa juventude de ingressar na universidade!”

Aos hospitais universitários será destinado um montante de R$ 1,75 bilhão. O valor vai ser usado para melhoria das condições e do funcionamento das unidades de saúde, bem como a criação de oito novos hospitais, sendo um deles no Cariri cearense. Atualmente, a região Nordeste possui 14 unidades e terá um repasse total de R$ 572 milhões.

Conforme anunciado, serão construídos novos campi de universidades federais em Baturité, no Ceará; São Gabriel da Cachoeira (AM); Rurópolis (PA); Cidade Ocidental (GO); Estância (SE); Jequié (BA); Sertânia (PE); Ipatinga (MG); São José do Rio Preto (SP) e Caxias do Sul (RS). As localidades foram escolhidas visando ampliar a oferta de vagas da educação superior em regiões com baixa cobertura de matrículas públicas. Além das obras, as instituições de ensino terão o orçamento de despesas ampliado, sendo R$ 242 milhões para as universidades e R$ 105 milhões para os institutos federais (IFs). Em relação à assistência estudantil, o Programa Bolsa Permanência (PBP) deve ser ampliado em 5.600 novas vagas.

UNIVERSIDADE EM BATURITÉ

Ainda em outubro do ano passado, Camilo Santana anunciou a implantação do curso de Medicina na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, em Baturité. O objetivo é criar um centro de saúde e, além de Medicina, ofertar vários outros cursos na área. O equipamento vai disponibilizar a estrutura necessária para as aulas práticas na unidade.

“Garantindo dignidade ao povo de Baturité, que a partir da construção do Hospital Municipal vai ter um atendimento médico e hospitalar sendo realizado no próprio município, não precisando mais se deslocar para outras cidades”, disse o prefeito de Baturité, Hérberlh Mota, durante o anúncio.

Durante o Ato Autorizativo para início da Faculdade, o governador do Ceará, Elmano de Freitas (PT), anunciou que o processo seletivo da unidade contará com 15% das vagas para alunos de escolas públicas da região do Maciço de Baturité.

Leia mais em: Faculdade de Medicina de Baturité terá 15% das vagas reservadas para alunos da região

CARIRI

Na última sexta (6), o reitor da Universidade Federal do Cariri (UFCA), Silvério Freitas, recebeu a minuta do protocolo de intenções, junto à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), para a implantação de um hospital universitário no Cariri. A Ebserh é uma empresa pública, vinculada ao Ministério da Educação, que gerencia hospitais universitários no Brasil. Dessa forma, além de prestar serviços de saúde gratuitos à comunidade, a Ebserh também apoia instituições públicas federais de ensino superior na formação de novos profissionais de saúde. As tratativas entre UFCA, Ebserh, MEC e outros entes públicos envolvidos iniciaram em junho do ano passado, com reuniões de alinhamento no Cariri e também em Brasília.

[ Mais notícias ]