Voltar ao topo

16 de julho de 2024

Em casa, Botafogo ganha do Fortaleza de 3 a 1 e garante vaga no G-4

Apesar da dificuldade na partida, o Alvinegro entra no G-4 com 11 pontos, empatando com o São Paulo, terceiro colocado, mas com  desvantagem no saldo de gols.
Foto: Divulgação/FEC

Compartilhar:

Com mais de 20 mil torcedores presentes no Estádio Nilton Santos, o Botafogo venceu de 3 a 1 a primeira disputa em casa contra o Fortaleza neste domingo, 15. Apesar da dificuldade na partida, o Alvinegro entra no G-4 com 11 pontos, empatando com o São Paulo, terceiro colocado, mas com  desvantagem no saldo de gols. Erison, Patrick de Paula e Daniel Borges construíram o resultado positivo para o Botafogo, enquanto Moisés descontou para o Leão, que segue afundado na lanterna.

No primeiro tempo, o time tricolor saiu com boa performance em campo, exceto à falha de Diego Gonçalves pela esquerda e um ataque perigoso de dois contra um, que terminou com Boeck defendendo o tiro de de Victor Sá. No entanto, o lance foi invalidado por posição irregular do atacante.

De forma equilibrada, o Leão controlou bem o jogo na primeira etapa, e aos 13 minutos abriu o placar para o tricolor: Hércules levantou a bola na área e Lucas Lima, pela direita, tocou para quem chegava do outro lado. Romero e Moisés foram foram em direção à bola e o segundo desviou para balançar a rede do Alvinegro. Nesse momento, a arbitragem de campo marcou impedimento, mas o VAR informou que o lance ficou dentro da normalidade.

Depois de 1 a 0 para o Fortaleza, o gramado do Nilton Santos teve um hiato de finalizações por mais de 15 minutos. Aos 31 minutos do primeiro tempo, Lucas Crispim resolveu arriscar de fora da área e a bola explodiu na zaga. No rebote, o jogador Hércules controlou a bola, chutando por cima da trave. Pouco depois, Tinga e Romero tabelaram e o lateral-direito finalizou, mas o lance foi invalidado.

Aos 39 minutos, Moisés perdeu uma bola pela esquerda e o zagueiro Ceballos fez falta para conter o ataque do Botafogo, levando o segundo amarelo. Na cobrança da falta, a bola foi parar na grande área, Kanu disputou pelo alto e a sobra ficou com Cuesta, pela esquerda. Ele bateu cruzado e Boeck fez o movimento para espalmar, mas Erison apareceu antes e desviou de cabeça direto para o gol. Com o empate, o Fogão se inflamou e passou a pressionar o Leão ainda no final do primeiro tempo.

BOTAFOGO REAGE E VIRA

Na segunda rodada, com um jogador a mais, o Botafogo voltou com mais gás. No primeiro lance, Erison invadiu a área pela esquerda e bateu cruzado, mas errou o lance. Aos 8 minutos, o jogador desperdiçou mais uma chance, após cruzamento de Diego Gonçalves da direita. De frente para Boeck, livre de marcação, o camisa 9 escorregou, mas ainda conseguiu finalizar, porém o goleiro Tricolor bloqueou espalmando.

Aos 9 minutos, “El Toro” conseguiu finalizar e fazer o segundo gol para o Botafogo. O jogador recebeu passe pelo meio e na grande área bateu no canto, mas estava em posição de impedimento e o árbitro de vídeo denunciou. O Leão tentou responder com algumas jogadas de Moisés, principalmente pelo lado esquerdo, mas a mira ia direto para fora. Com menos atletas, era difícil criar jogadas, mas o Tricolor circulava bem a bola. Ter mais posse de bola fez com que o Leão evitasse de ser atacado.

Aos 29 minutos, o Fortaleza fez o seu melhor lance em cobrança de falta de lonte com Renato Kayzer, que substituiu Lucas Lima. Ele chutou forte e obrigou Gatito a fazer uma defesa boa.

O Fortaleza estava perto de um empate contra o Botafogo, mas aos 43 minutos, houve falta em favor da Estrela Solitária próximo da grande área, pela direita. Patrick de Paula, que estava na reserva, cobrou com a perna esquerda e contou com desvio da bola em Pikachu para comemorar o gol da virada.

O Alvinegro poderia ter marcado o terceiro gol da rodada no minuto seguinte, com Victor Sá, mas Boeck conseguiu espalmar. Aos 48, porém, em mais um ataque rápido, Daniel Borges fez o último gol do jogo.

O Botafogo volta a campo no próximo sábado, 21, contra o América-MG, às 21h (horário de Brasília), no Independência. No domingo, 22, o Fortaleza recebe o Fluminense às 16h no Castelão. Antes disso, o Leão ainda tem pela frente um jogo decisivo pela Libertadores contra o Alianza Lima no Peru. O time de Vojvoda está em terceiro lugar no Grupo F da competição, fora da zona de classificação para as oitavas de final.

[ Mais notícias ]