Voltar ao topo

25 de julho de 2024

Conin: Primeiro passo para construção de nome apoiado pelo PT em Caucaia é ouvir Valim

O atual prefeito do município da Região Metropolitana de Fortaleza afirmou que não pretende concorrer à reeleição; grupo governista comandado pelo ministro Camilo e pelo governador Elmano segue em busca de candidato
Foto: Beatriz Boblitz/Arquivo Opinião CE

Compartilhar:

Após a desistência do prefeito de Caucaia, Vitor Valim (PSB), em concorrer à reeleição, o grupo governista comandado pelo ministro da Educação Camilo Santana (PT) e o governador Elmano de Freitas (PT) segue em busca de um nome para apoiar no Município, que tem o segundo maior colégio eleitoral do Ceará. O presidente do PT Ceará, Antônio Filho, o “Conin”, falou ao OPINIÃO CE que o primeiro passo para a construção de uma candidatura apoiada pelo PT é ouvir o próprio Valim. Ainda conforme Conin, Valim disse que vai conversar com Camilo e Elmano sobre o pleito.

O peessebista afirmou que não vai concorrer à reeleição no último dia 8 de janeiro. Segundo ele, a perda de sua filha, no último mês de dezembro, foi o que o motivou a tomar a decisão. “A perda de minha amada filha me fez repensar minha vida”. Como pontuou Conin, o PT deve respeitar a decisão do gestor. “Há um componente pessoal dessa decisão, a gente tem que expressar toda a nossa solidariedade ao Vitor Valim nesse momento”. De acordo com o presidente do PT cearense, a conversa inicial vai envolver, além de Valim, Camilo e Elmano, o Diretório Municipal do partido em Caucaia.

Um dos nomes especulados foi da deputada federal e ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT). A parlamentar é pré-candidata em Fortaleza, e o movimento de levá-la à disputa no Município da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) poderia abrir espaço para outro nome na Capital, como o do presidente do Legislativo cearense, deputado estadual Evandro Leitão (PT). Conforme Conin, no entanto, o nome da Luizianne foi “colocado pela imprensa”. “Esse debate não chegou nem a esse nível [de escolha do nome]”, completou.

DISPUTA EM CAUCAIA

A disputa em Caucaia está acirrada. Pelo menos oito nomes já foram ventilados como possíveis pré-candidatos em Caucaia. Agentes políticos como as deputadas estaduais Lia Gomes (PDT) e Emília Pessoa (PSDB); o secretário especial da Saúde Indígena (Sesai), Weibe Tapeba (PT); o secretário do Desenvolvimento Econômico do Ceará, Salmito Filho (PDT); o ex-prefeito de Caucaia, Naumi Amorim (PSD); o vice-prefeito de Caucaia, Deuzinho Filho (União Brasil); o ex-deputado federal e ex-prefeito de Caucaia, Zé Gerardo (PDT); e o marido da deputada federal Carla Zambelli (PL), Aginaldo de Oliveira (PL), surgem como possíveis candidaturas.

[ Mais notícias ]