Voltar ao topo

24 de julho de 2024

Clássico das Cores peloo Cearense começa a ser decidido nesta terça

Compartilhar:

Fortaleza e Ferroviário se enfrentam em partida de ida pela Semifinal do Campeonato Cearense. A volta acontece no próximo sábado

David Mota
Especial para OPINIÃO CE
david.mota@opiniaoce.com.br

Édson Cariús, artilheiro do Campeonato Cearense, é velho conhecido das duas torcidas (Foto: Lenilson Santos/Ferroviário)

O Clássico das Cores decidirá um dos finalistas do Campeonato Cearense 2022. Fortaleza e Ferroviário se enfrentam em duelos de ida e volta para saber quem vai chegar à grande final da competição. Os duelos estão marcados para a Arena Castelão. A ida, com mando do Tubarão da Barra, acontece nesta terça-feira, 8, às 21h30, enquanto a volta, com mando do Leão do Pici, será no próximo sábado, 12, às 16h45.

As duas equipes voltarão as suas atenções para o Campeonato Cearense após disputarem outras competições. O Ferroviário busca voltar a vencer após ser eliminado pelo Nova Venécia/ES, na Copa do Brasil, enquanto o Fortaleza volta a focar no Estadual após o duelo contra o Altos/PI, pela Copa do Nordeste.

O Tubarão da Barra entrou diretamente nas Semifinais do campeonato, por ter se classificado em 2º na Primeira Fase. A equipe ainda está invicta no torneio, com 6 vitórias e 8 empates, em 14 partidas disputadas. Já o Leão do Pici não disputou a Primeira Fase, mas precisou jogar as Quartas de Finais, onde eliminou o Pacajus com duas vitórias, 1 a 0 na ida e 5 a 0 na volta. A aposta do Ferrão tá no seu ataque, que foi o melhor da Primeira Fase, com 24 gols marcados, e conta com o artilheiro da competição, Édson Cariús, autor de 8 tentos.

Uma boa notícia para o torcedor coral é que o Tubarão não perde para o Fortaleza desde 2018. Já o Leão busca manter a sua hegemonia no Campeonato Estadual. Dono dos três últimos títulos, o Fortaleza quer despachar o Ferroviário para ir em busca do tetracampeonato da competição.

O provável Ferroviário, do técnico Paulinho Kobayashi, deve ir a campo com: Jonathan; Roni, Vitão, Éder Lima e Madson; Valderrama, Alemão, Mauri e Wandson; Gabriel Silva e Édson Cariús. O provável Fortaleza, do treinador Juan Pablo Vojvoda, deve ser: Max Walef; Tinga, Benevenuto e Titi; Ronald, Jussa, Yago Pikachu, Lucas Crispim e Lucas Lima; Moisés e Romero.

[ Mais notícias ]